Seis coisas sobre mim

Depois de me surpreender com o Idelber (torcer – mesmo um dia – pro ex-Ipiranga? hahaha), achei que poderia ser interessante pra quem mal me conhece saber algumas curiosidades sobre mim.

  1. Estudei música a sério. Queria ser violinista. Os cerca de seis anos em que vivi na Escola de Música da UFMG foram fundamentais pra minha formação. Aprendi diversidade, tolerância, respeito, disciplina, coordenação motora, concentração, a manter as unhas curtas, idolatrar música ao vivo, evitar fones de ouvido e sons altos. Exceto pela disciplina, o restante se mantém até hoje.
  2. Tenho uma alergia chata denominada “dermatite de contato”. Metais queimam a minha pele, dão bolhas e abrem feridas. O máximo que consigo usar é titânio (haja $$$) e prata 925 ou superior. Mesmo assim, por pouco tempo. Raramente uso brincos, anéis, pulseiras, colares, e não acho ruim: isso representa uma grande economia no meu orçamento e implica em rapidez na hora de sair de casa, hahaha.
  3. Sou atleticana desde criancinha, mas não me perguntem como defini o time. Não faço a menor idéia. Na minha família, ninguém gosta de futebol
  4. Fui escoteira, e estudei em colégio religioso. Detestei ambos. O escotismo pelo menos serviu pra me ensinar a acampar. A religião não fez efeito, tanto que até hoje eu sou uma ignorante nessa área (estou bem assim, obrigada). E não se enganem: o respeito pela fé alheia não veio do colégio, mas da Escola de Música.
  5. Minha mãe me alfabetizou antes dos 5 anos. Meu pai nunca deixou faltar nada pra ler. Os resultados: sou leitora compulsiva, e nunca lembro de ligar a televisão
  6. Não sou vegetariana, gosto de carne, mas quem pedir vitela na minha mesa vai ouvir discurso digno do PETA e vai ficar sem a vitela.

Quem quiser contar seis curiosidades, fique à vontade.

Anúncios
Postado em ego

5 pensamentos sobre “Seis coisas sobre mim

  1. Digno do PETA é pouco! Eu já ouvi esse discurso anti-vitela! Eu nunca comi vitela e pelo seu discurso vou continuar sem comer!

    Atleticana, que triste.

    Bjo

  2. Também tenho dermatite de contato, não posso encostar em metais que já começo a coçar. Horrível, botão de calça jeans eu tenho que pôr esparadrapo na parte de dentro senão me fere a barriga. Até colchete de sutiã, se não tiver forro de tecido me faz ferida nas costas.
    Brinco de bijuteria eu não aguento nem por duas ou três horas, minhas orelhas ficam vermelhas, inchadas, praticamente dois tomates. E coçam insuportavelmente.

    E também leio compulsivamente e nunca vejo tv.

    Saudades.
    beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s